Questões sobre Antidepressivos

quarta-feira, 13 de agosto de 2008

Para estudar no feriado:

Questões2 - ANTIDEPRESSIVOS

1- Dona Maria Helena, 76 anos, dona de casa e cliente da farmácia onde você trabalha, sofre de depressão psíquica há dois anos e utiliza sertralina (Zoloft®), um inibidor seletivo da recaptação de serotonina. Explique:

a) Por que se faz referência ao fato de o inibidor apresentar seletividade para a recaptação de serotonina?

b) Qual a relação desta monoamina com a doença?

c) No início do tratamento, D. Maria Helena se queixava de sonolência e retardo de reflexos, comentando que interferiam com seu desempenho na hidroginástica. Com o tempo, esses efeitos desapareceram. Eles eram esperados ou era apenas impressão de D. Maria Helena?

d) O correto seria o aparecimento de insônia, tremores, agitação? Por quê?

e) Como muitos antidepressivos, a sertralina inibe as enzimas do complexo citocromo P-450. Caso D. Maria Helena precise utilizar paracetamol, para tratar uma dor leve, quais seriam as conseqüências esperadas da interação medicamentosa? Por quê?



2- A.M. uma paciente de 26 anos faz uso regular de imipramina 150mg, há dois anos, com evidente melhora clínica em seu quadro de depressão psíquica. Embora eventualmente A.M. se queixe de sede e de uma leve dificuldade para evacuar, tem se sentido tão bem que ela e o noivo estão planejando se casar.
Explique:
a) O mecanismo pelo qual a imipramina promoveu a melhora clínica de A.M.

b) Porque A.M. se queixa de sede e dificuldade para evacuar?

c) Na possibilidade do casal se decidir evitar filhos usando anticoncepcionais orais que interações podem ocorrer entre estas drogas e a imipramina e quais seriam as conseqüências clínicas:



Estas Questões estão disponíveis no TiuWeb também.


Tirando Dúvidas.... ▼Clique em Continue Lendo▼

O Que é Ataxia?
Ataxia, do grego ataxis, quer dizer sem ordem ou incoordenação, é um sintoma, não uma doença específica ou um diagnóstico. Ataxia significa a perda de coordenação dos movimentos musculares voluntários; é um termo que cobre uma grande variedade de desordens neurológicas e, portanto, pode fazer parte do quadro clínico de numerosas doenças do sistema nervoso. Algumas formas de ataxia são mais comuns que outras e têm até nomes específicos, como por exemplo a ataxia de Friedreich, a mais comum entre as ataxias. Algumas ataxias são causadas por uma anormalidade genética e com freqüência os primeiros sintomas aparecem na infância (early onset). Outras formas podem aparecer até a metade da vida e são então conhecidas como de iniciação tardia (late onset). Geralmente, todo esse grupo de desordens neurológicas é conhecido como ataxia degenerativa porque os sintomas se agravam com o passar do tempo.
A ataxia pode afetar os dedos, as mãos, os braços, as pernas, o corpo, a fala ou o movimento dos olhos. Essa perda de coordenação pode ser causada por diversas condições médicas ou neurológicas; por essa razão é importante que uma pessoa com ataxia procure auxílio médico para determinar a causa subjacente do sintoma e obter o tratamento apropriado.

2 comentários:

Brunno disse...

Por favor,
gostaria de saber se vcs possuem mais questoes de antidepressivos, opióides, ansiolíticos-hipnóticos, principalmente de alternativa correta (prova objetiva) para me passar. Meu e-mail é brunnobcampos@gmail.com
Muito Obrigado.(tenho prova de farmaco nessa sexta).

Brunno disse...

Por favor, tenho prova essa sexta (25/09/08) de farmacologia CLÍNICA e gostaria de receber questões, principalmente objetivas(de alternativa correta)sobre antidepressivos, opióides, ansiolíticos-hipnóticos, corticóides e antiinflamtórios.
MUITO OBRIGADO!!